Saque de FGTS: o que eu preciso saber?

06 de agosto / 2019 (atualizado)

Mais uma leva do saque de FGTS foi divulgada pelo Governo. Veja todas as informações úteis sobre o FGTS e como utilizá-lo!

 

Antes de mais nada, o que é o FGTS?

A sigla tem como significado Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. Ou seja, como o próprio nome já diz, todos os meses uma parte do seu salário (8% para sermos mais exatos) é depositada pelo seu empregador em uma conta na Caixa, aberta em seu nome.

Esse dinheiro tem como objetivo ser utilizado como uma forma de garantia, caso você seja demitido sem justa causa ou termine o seu contrato de trabalho temporário.

Além de todos os trabalhadores contratados em regime CLT,  têm direito ao FGTS trabalhadores rurais, temporários e atletas profissionais.

Interessante, não?

 

Como eu consulto meu FGTS?

Hoje existem diversas formas de consultar o saldo do FGTS. É importante lembrar que para utilizar qualquer uma dessas fontes de informação, você precisa ter o seu número do seu PIS em mãos (você encontra esse número na sua carteira de trabalho ou online. Veja aqui como).

As principais formas de consulta hoje são:

  • Via SMS
  • Consulta online

Ambos os serviços você acessa se cadastrando nesse link.

Também é possível consultar o seu saldo, nos balcões de atendimento das agências da Caixa (encontre aqui as agências mais próximas de você), ou fazendo o download do aplicativo FGTS.

 

Quando eu posso usar meu FGTS?

Inicialmente, além de situações de demissão, sem justa causa e do término de um contrato de período de trabalho pré determinado, o FGTS pode ser resgatado também por aqueles que estejam próximos de realizar o sonho da casa própria.

Nesse último caso, estão incluídos os casos: comprar ou construir um imóvel ou ajudar no pagamento do financiamento.

Porém, com a medida provisória divulgada e aprovada pelo governo nesse mês, o cenário muda completamente.

É exatamente sobre isso que queremos falar com você agora.

 

O que muda com a medida do Governo?

Diante do cenário de crise econômica, além da liberação de saques em 2019 e do saque aniversário, o governo publicou uma nova Medida Provisória que permite que trabalhadores retirem R$ 1.045 de suas contas de FGTS.

Ou seja, esse novo saque não tem relação com a modalidade do saque aniversário, para quem optou por ela.

A base do novo valor é o salário mínimo e ele será o total que poderá ser sacado, somando todas as contas que o trabalhador tenha atrelado a ele.

 

Quando poderei realizar meu novo saque do FGTS?

O crédito na Conta Poupança Digital (aberta automaticamente pela Caixa, em nome dos trabalhadores) se dará pela data de aniversário, assim como a liberação do valor para saques ou transferências.

Veja a tabela detalhada:

É importante lembrar que o valor ficará disponível na conta até o dia 30 de novembro.

Se até essa data não for feito o saque, o valor retornará para o fundo de garantia.

O que fazer com o dinheiro do saque do FGTS?

Nós estamos em um cenário de muitas incertezas nesse momento, por isso, o mais indicado é utilizar esse dinheiro como uma reserva de emergências  e também, para evitar que os itens básicos fiquem comprometidos.

Essa é pode ser uma oportunidade para negociar dívidas antigas e atrasadas, desde que tenham condições especiais, que realmente caibam no seu bolso!

 

Quero negociar na emDia

Marcella Menasce

por Marcella Menasce