Saiba como montar um bazar e fazer uma renda extra

27 de abril / 2022 (atualizado)

Quer aprender como montar um bazar e não sabe por onde começar? Leia este post e saiba como garantir uma renda extra!

A maioria de nossos objetivos e sonhos depende de uma certa estabilidade financeira. Por isso, vez ou outra, sentimos a necessidade de buscar alternativas para ampliar a renda e conquistar as metas mais rapidamente, sem perder a segurança e a tranquilidade no dia a dia.

Para te ajudar nesse momento, montar um bazar pode ser a oportunidade perfeita para repassar os itens sem uso que possui e ainda descolar uma renda extra. Esse segmento funciona com base no conceito de economia circular, que diz respeito a fazer uma melhor utilização dos recursos.

Neste artigo, explicaremos como montar um bazar para fazer uma renda extra e desocupar seu armário. Acompanhe a leitura e fique por dentro do assunto!

Descubra o que é um bazar

De maneira simplificada, o bazar é um tipo de loja ou barraca onde são vendidos diversos objetos, muitas vezes usados. Em alguns casos, os bazares pode ser feitos com itens recebidos por doação, sendo o dinheiro revertido em obras de caridade.

Nos últimos anos, esse segmento ganhou força, tornando-se uma alternativa viável para quem gosta de artigos de luxo, peças antigas ou roupas vintage, por exemplo, mas não tem muito dinheiro para investir.

Além de atentar ao consumo sustentável, esse tipo de prática ainda possibilita que as pessoas adquiram peças exclusivas, em boas condições de uso e com um preço bem mais em conta. Independentemente do que é disponibilizado nesse comércio, o importante mesmo é garantir qualidade, preço justo e opções para que as pessoas possam escolher.

Aprenda como montar

Antes de mais nada, você precisa separar os itens que serão vendidos no bazar. Para isso, avalie o que você tem, o que não usa e o que está em bom estado para ser vendido. Se não tiver peças suficientes, chame suas amigas e amigos e organize o evento.

Lembre-se de higienizar e consertar o que for necessário. Roupas manchadas ou com cheiro de mofo, por exemplo, não vão agradar ninguém. Em seguida, coloque os preços nos produtos, mantendo sempre a coerência em relação ao estado de conservação, à marca e à função.

Se você quer vender roupas, por exemplo, lembre-se de expô-las em uma arara – caso tenha alguma. Do contrário, reserve uma mesa ampla para colocar as peças dobradas de maneira organizada.

Depois de tudo separado, é hora de encontrar o local adequado para o evento. Caso o público seja grande, procure um lugar maior e de fácil acesso. Mas, se você vai fazer apenas para conhecidos, a garagem, o jardim ou o quintal normalmente são lugares ideais para as pessoas circularem mais à vontade.

Outro detalhe importante é a divulgação do seu bazar para atrair potenciais compradores, e você pode fazer isso utilizando as redes sociais. No Instagram, por exemplo, além de compartilhar fotos, você consegue criar vídeos mostrando os looks e organizar os produtos por guias.

Organizou todos os itens e divulgou? Então, está tudo pronto para começar as vendas no seu bazar. Não se esqueça de ficar atento às peças, principalmente se o bazar for ao ar livre e aberto ao público, a fim de evitar situações desagradáveis ou, até mesmo, golpes financeiros. Além disso, ofereça boas formas de pagamento, isso facilitará as vendas!

Saiba o que mais se vende em um bazar

Sem dúvida, o segmento de moda tem crescido a cada dia no bazar, especialmente pelo baixo custo e pela nova tendência relacionada à sustentabilidade e à economia compartilhada.

Fora isso, como as redes sociais facilitam a divulgação e as transações financeiras, já que apresentam recursos de vendas dentro das suas plataformas, vender roupas se tornou um ótimo negócio. E, se você leva jeito para peças customizadas, esse pode ser um grande diferencial do seu bazar.

No entanto, você também pode oferecer outras categorias diferentes, como acessórios, móveis, livros, eletrodomésticos, brinquedos, entre outros. Seja criativo e não tenha medo de desapegar de coisas que não farão falta futuramente.

Vale ressaltar que, mesmo que depois você resolva expandir o seu negócio e trabalhar com diversos segmentos, o ideal é começar devagar, escolhendo apenas um ramo para atuar e fazer isso com excelência.

Isso te ajudará a conhecer melhor o negócio, o público-alvo e o mercado, além de garantir mais experiência, ganhar parceiros e credibilidade. Sem contar o quanto será positivo para sua educação financeira, já que conseguirá economizar bastante!

Entenda qual a diferença de bazar e brechó

A maioria das pessoas pensam que bazar e brechó são a mesma coisa. Só que, na verdade, existem algumas diferenças entre os dois.

Geralmente, os bazares vendem itens de modo pontual e por isso são realizados esporadicamente. Já o brechó é um tipo de negócio que envolve compra e venda de mercadorias usadas, sejam roupas, móveis, livros, entre outras. Na maioria das vezes, funcionam como lojas fixas mesmo. Por isso, os donos apresentam um cuidado maior para selecionar as melhores peças, o que faz com que elas sejam mais caras que roupas de bazar — só que, ainda assim, mais baratas que as de lojas convencionais.

Veja como montar um bazar online e as suas vantagens

Outra dica importante para quem deseja montar um bazar é investir no negócio online. Afinal, não há dúvidas de que a internet é um meio que facilita a divulgação.

Com a visibilidade das redes sociais, é possível construir o conceito da marca, gerar identificação com o público e atrair cada vez mais clientes.

Uma das grandes vantagens de montar um bazar é a possibilidade de criar um negócio de acordo com sua capacidade de orçamento e suas metas financeiras. Além de outras vantagens, como sustentabilidade, público específico, preços acessíveis e melhoria dos hábitos de consumo.

Como as peças para venda costumam ter baixo custo, é possível conseguir uma margem de lucro considerável, alcançando seu objetivo financeiro. E mais, é possível economizar e fazer investimentos futuros. No vídeo abaixo, inclusive, você pode aprender algumas dicas de como juntar dinheiro em 2022!

https://www.youtube.com/watch?v=HUlF63VPyuM

Como você pôde ver, montar um bazar pode ser a ideia que você estava procurando para começar seu próprio negócio e fazer uma renda extra. Para isso, é fundamental ter capricho e priorizar a qualidade e o preço justo das peças. Assim, você consegue garantir boas vendas e se organizar financeiramente!

Gostou do nosso conteúdo? Então, aproveite para seguir nossas páginas nas redes sociais e ficar por dentro das novidades. Estamos no Instagram, Twitter, YouTube e Facebook!

Gabriella Araujo

por Gabriella Araujo